09:00 - 09:40    5G   
Keynote

Meet the Expert | Mil filmes por segundo: Criando a conexão de internet mais rápida do mundo | Dra. Lidia Galdino, UCL

Segmentos

Conectividade & Infraestrutura

Participantes

Lidia Galdino

Assistant Professor in High-Capacity Transmission Systems @ UCL | University College London

Profa. Dra. Lídia Galdino tem graduação em Engenharia de Telecomunicações pela Universidade de Taubaté, mestrado e doutorado em Engenharia Elétrica pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), em 2005, 2008 e 2013, respectivamente. Entre 2013 e 2018, trabalhou como pesquisadora e pesquisadora sênior na University College London (UCL), na Inglaterra, onde reside desde então. Atualmente, ela Professora na faculdade de Engenharia Elétrica e Eletrônica da UCL. Lidera um projeto de pesquisa de £500.000,00 financiado pela Royal Academy of Engineering intitulado "Capacity-approaching, Ultra-Wideband Nonlinear optical Fibre Transmission System" e atua como co-investigadora no projeto de £6.000.000,00 do EPSRC TRANSNET. Ela também trabalha em parceria com várias empresas de telecomunicações, incluindo Microsoft, Nokia Bell Labs, KDDI Research, Xtera, Mitsubishi and Corning. A Dra. Galdino já publicou mais de 100 artigos científicos na área de comunicações ópticas faz parte do comitê técnico de programa das conferências mais prestigiosas na área de fotônica, incluindo as conferencias Americas IEEE Photonics Conference (IPC), Advanced Photonics Conference (APC) and Optical Fiber Communications (OFC) e a conferencia europeia European Conference in Optical Communications (ECOC). É atualmente Vice-Presidente da Women in Photonics do IEEE e acabou de ser eleita diretora da IEEE Photonics Society. A Dra. Galdino já ganhou vários prêmios durante sua carreira, incluindo o Royal Academy of Engineering Colin Campbell Mitchell Award em 2015 por contribuições pioneiras à tecnologia de comunicações ópticas. Foi nomeada 2017, pela revista The Telegraph e pela Women in Engineering Society, como uma das “50 melhores mulheres em engenharia com menos de 35 anos” atuando no Reino Unido.